Coisa
d'Alma
Tarot
A leitura das cartas de Tarot tem por base a capacidade intuitiva              
de perceber a mensagem que se encontra por detrás de um arquétipo ou  
associação arquétipa.É a aptidão de nos servirmos da intuição que             
determina a relação que mantemos com o nosso inconsciente e que está  
em relação directa com o inconsciente colectivo,onde moram  todas as     
informações do cosmos.A concretização da ligação consciente com o          
inconsciente, alcança então a adivinhação,a capacidade de adivinhar as        
potencialidades das situações.                                                                
A intuição permite ver por detrás do véu que esconde o sentido dos
acontecimentos da vida.Todos a temos em menor ou maior grau.

O porque das mancias funcionarem,nos darem respostas que comprovamos
correctas no vivido,não se baseia exclusivamente em combinações.As
respostas significativas que nos chegam por estes meios têm por base
o príncipio da sincronia que tem o seu fundamento na capacidade de
aceder ao fluxo do mundo.A matéria criadora indefinida,ou seja,energia,
é captada pela consciência individual e aplicada ao caso concreto que
se nos apresenta.A base do Tarot é a magia,capacidade de comunhão
com a realidade mais ou menos total,de acordo com as especificidades
do sujeito que usa a arte da adivinhação.Podemos dizer com alguma
certeza que a energia inconsciente,que serve de matéria ao fenómeno,
que se está a desenvolver, com vista a uma concretização física é
percebida e ,pode, ao sê-lo,desencadear a projecção consciente em
atitude e mais,por forma a que o que se adivinhava possa ser
alterado.A magia,ponte entre o que se vê e não vê,ponte cientifíca,
é igualmente uma ferramenta de percurso,façamos uso consciente, ou não,
dela.O fluxo da vida,do bios,quando intuido,é-o nas suas possibilidades
totais,dissolve individualidades assim como a rígidez da
temporalidade...A captação do devir significativo advém da compreensão
livre,ouseja,da harmonia(sem julgamento)da razão como coração/mente
búdica.É esta captação,que depende do grau evolutivo de consciência,que
nos dá a certeza de que a arte de jogar o Tarot é ,de algum modo,
independente do símbolo,sendo o mesmo válido,para as borras de café
e todas as outras mancias.O símbolo faz parte da vida,da linguagem
alquímica,contudo a energia dos mesmos depende da nossa construção,
que altera o ritmo e o signficado .
A carta da morte percebida por um neófito pode causar e determinar
aconteciemntos aberrantes.Contrariamente,intuida por uma consciênciamais
desperta,pode ser entendida como o ínicio de uma nova fase.
Claro está que existem fatalidades.As fatalidades são-no pela falta de
resolução paradigmal por parte daqueles a que se impõe alterar o rumo...
Fazem-se Pantagramas(canalizações energéticas para
diversos fins).Amor,Trabalho,Saúde,Sorte,Protecção etç
Contacte-nos: ,mailnp@sapo.pt ,  TEL 964843639
Angola 00351964843639 ou tel 00351969275925 skype
mailnp@sapo.pt